Quantos nãos antes do sim?

  Rodeados pelas facetas diplomáticas que a vida nos supõem gostar sem razão. Sufocado pelos nãos que nos subornam a procrastinação. Vivemos em vão! Acolhidos pelos mais enfeitados motivos infanto recriados. Espantados pelos feitos que[…]

Continue a ler …

Carta a uma Ex

  Cara, que coisa complicada de fazer. Não tenho grandes coisas para falar, a culpa foi minha, eu fui um babaca e estraguei tudo. Me desculpa! Agente não se da conta do quão grande é[…]

Continue a ler …

Desculpa, a culpa é minha!

“Mede-se o homem pela culpa que ele assume.” Já dizia meu pai. É o medo, eu sei. Não é simples aceitar a vergonha ou o peso da culpa merecida, assistida. Por gerações, vivemos esperando que[…]

Continue a ler …

Treinando idiotas

Do grego “idiótes” que significa “pessoa leiga, sem habilidade profissional”, por oposição àqueles que desenvolviam algum trabalho especializado. Com todo o nosso descaso, não é por acaso que os idiotas se multiplicam. Por toda a[…]

Continue a ler …

Marqueteiros

Eu sei, vou sofrer com esse texto. Agora, tempos de “nesse momento”, dias de “tudo montado”, noites de “sonhos digitais”. A cultura do tudo filtrado e mostrado do melhor angulo de nós! Toda a verdade?![…]

Continue a ler …

Um gênio não surge do nada

Thomas Edison testou mais de dois mil filamentos antes de encontrar a receita correta para criar em definitivo a lampada, eu chamo isso de persistir. Doutor goodyear derramou sem querer enxofre na borracha e descobriu[…]

Continue a ler …

Evolutivamente regredidos

Sentir prazer em fazer as coisas mais simples do planeta. Você não? Depois de uma vida toda de buscas ao “incrível”, hoje eu só quero montar um armário com perfeição. Por que depois de tanto,[…]

Continue a ler …