Estamos sempre fazendo alguma coisa errada

Uma infinita sensação de erro!

Uma engraçada sensação de sempre poder estar fazendo melhor, falando menos, comprando pouco ou o contrário de tudo. Vivemos errando por que estar certo não é algo comum a todos, estar vivo é entender que respirar já é um conflito de interesses.

Errar é esbarrar na tentativa alheia. Não existe o que gosta de ser encostado inesperadamente, não polua a mente no comentário. Errar tentando é acertar com honra na parte mais inesperada do objetivo. Não confunda errar com fazer o mal. Fazer o mal não tem nada haver com erro, só por vontade própria se faz maldade.

Sentir o erro mostra o quão forte é quem tem o porte para aceitar que antes de terminar já existe pronta uma nova tentativa muitas vezes em vão. Diante das repetidas tentativas do mais orgulhoso nobre, mesmo com toda a ação esnobe, nasce o dom de fazer a mesma coisa ou outra coisa da melhor forma possível. Errar é um dom que poucos repetem com êxito.

Related Posts

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *