Um suco e uma porção de gentiliza se tiver

Seja sempre gentil com as pessoas.

Puta coisa legal a se fazer, admito. Nunca fui e nunca serei um gentil. Não sei lidar com essa maravilhosa capacitância de ser tudo que quero que sejam a mim, eu sou super legal comigo mesmo e isso já é mega suficiente, egoísta também!

Nada de errado com a vasta pasta lubrificadora dos entusiastas da perguntas do “tudo bem com você?”. Eu não to nem ai, é isso ai! Uma confusa maneira de ser o cara que não oferece o biscoito, mas não liga se você pegar e comer. Um honroso ser que não sabe se despedir ou cumprimentar, eu chego e se duvidar eu nem falo, só chego e saio. Mal educado!

Não vou rir para sua cara toda hora. Se tiverem duas mãos, eu não vou abrir a porta. Ser gentil não é do caráter, ser gentil é interesse. Ninguém é gentil inconscientemente, no fundo ha sempre um puta que pariu. Discorde, é direito seu!

Tenho medo do gentil, já é muita merda embolada na garganta e eu não dou conta de engolir e ver que talvez, para ser alguém legal tenha que deixar tudo de lado e ser um cagado outra vez.

Não sou um monstro, não. Eu sou legal, mas se tiver duas mãos eu não vou abrir a porta. O melhor do meu caráter esta em ser interessado em não servir por interesse. Um gentil sem nada em troca? Sério?

Related Posts

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *